Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

Livrologia

28
Mar20

Kamikazes que tentam atingir alvos, aniquilando-se a si próprios

bookinices_spring.png

Seria incontorn√°vel escrever sobre a pandemia que atravessamose e que nos tem marcado os dias. O discurso pol√≠tico pleno de desinforma√ß√£o propositada para n√£o lan√ßar o p√Ęnico e em descarada fuga √† responsabilidade pela sa√ļde p√ļblica, irresponsabilidade essa que j√° vinha sendo praticada antes desta pandemia, n√£o me convence, nem me comove.

Se isto √© uma guerra, como os nossos governantes tanto gostam de afirmar, n√£o compreendo que estrat√©gia lun√°tica ser√° esta de se enviarem "soldados" para a frente de uma batalha sem armas. Aos profissionais de sa√ļde vejo-os como kamikazes que tentam atingir os seus alvos, aniquilando-se a si pr√≥prios, sem protec√ß√£o, sem material, sem recursos. Sei que¬†quando um "soldado" cai, centenas de outros podem cair com ele.

26
Mar20

Giambattista Basile e o seu fascínio pela cultura napolitana

gata.pngEsta semana tenho-me refugiado exclusivamente nesta viagem pelo mundo imaginário da Gata Borralheira. Na próxima semana, logo se verá.

Enquanto as outras viagens esperam pacientemente pela sua viajante, parti em busca de pormenores equidistantes entre o mundo encantado e o mundo real. Talvez opostos, talvez complementares na sua antítese, não importa.

Fascinado pelo folclore, pelos costumes, literatura, m√ļsica e dialeto napolitanos, Giambattista Basile come√ßou a estudar seriamente a cultura napolitana, coleccionando os seus contos populares, reunindo-os numa colec√ß√£o¬†-¬†Lo cunto de li cunti - inteiramente escrita em napolitano, que viria a tornar-se na fonte de inspira√ß√£o para escritores posteriores como Charles Perrault e os Irm√£os Grimm.

25
Mar20

A m√£e do outro lado do espelho

conversatorio1.png

As madrastas têm uma presença muito forte no fabulário de vários contos, da Branca de Neve à Gata Borralheira.

Nos tempos idos a morte das m√£es no parto era frequente¬†e os vi√ļvos eram obrigados a casar novamente para n√£o terem de cuidar dos filhos sozinhos, o que implicava aceitar a inevitabilidade deles virem a ser maltratados pelas madrastas.

Apesar da palavra madrasta derivar da palavra "mãe", a primeira sílaba está muito próxima da sonoridade de "má" e "maldade". Arrisco dizer que a madrasta seria a mãe do outro lado do espelho, com todos os defeitos, todos os vícios, todas as fraquezas levadas ao extremo e que uma mãe não pode ter.

25
Mar20

Tendo o rei visto tal coisa, correu a apertá-la nos braços

Mas, terminado o bate-dente, vem-se √† prova da chinela, que mal foi aproximada do p√© de Zezolla lan√ßou-se para cal√ßar aquele ovo pintado do Amor, como o ferro corre para o √≠man. Tendo o rei visto tal coisa, correu a apert√°-la nos bra√ßos e, fazendo-a sentar-se sob o dossel, p√īs-lhe a coroa na cabe√ßa, ordenando a todos que se inclinassem e lhe prestassem rever√™ncia como √† sua rainha.

 

in A Gata Borralheira por Giambattista Basile

Gata Borralheira e Contos Similares de Francisco Vaz da Silva

2019 foi o ano que escolhi para ler Sophia de Mello Breyner
Visitem o mundo encantado de Sophia
Em 2020 irei ler Jorge de Sena
Venham dar uma volta ao mundo
A Miss X aceitou o Desafio de Escrita dos Pássaros pela 2.ª vez!
Já começou a viagem pelo mundo da Gata Borralheira.
Cinema e literatura num só.
Venham também!
bookinices_spring.png
A imprensa comentada no final de cada mês na Operação Bookini
Espreitem as bookinices
  •  
  • A autora deste blog n√£o adopta o novo Acordo Ortogr√°fico.

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    O que leio, capa a capa

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D

    Estante

    no fundo da estante