Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

Livrologia

07
Mar16

Fiódor Dostoiévski| Crime e Castigo

Orfão por assassinato, preso como revolucionário, renascido para o cristianismo, Dostoiévski esteve inevitavelmente preocupado com a violência e a injustiça, bem como com a batalha entre o bem e o mal. A luta entre os radicais não religiosos e o sistema anti-democrático encheu-o de fascínio e horror.

Este romance absorve¬†essas preocupa√ß√Ķes na hist√≥ria de Rask√≥lnikov, um estudante de uma S√£o Petersburgo empobrecida, desvastado pelo remorso depois de assassinar uma penhorista.

Todos os elementos do melodrama vitoriano estão aqui, desde a prostituta com bom coração à irmã casta com o seu pretendente lascivo; o que distingue Crime e Castigo é a intensidade do conflito moral.

Phil Daoust

Traduzido do inglês-www.theguardian.com

 

Quando abrimos a primeira página de Crime e Castigo, Raskólnikov agarra-nos pela mão e leva-nos consigo pelo seu delírio culposo. A culpa ou a não existência dela assombram-no, entranhando-se nos seus pensamentos, nos seus sonhos, em cada fibra do seu ser.

Adorei o diálogo de Raskólnikov com Sónia, quando ele decide confessar-lhe o seu tormento. Para além de ter sido o capítulo que mais me apaixonou, são eles também as personagens da minha eleição.

07
Mar16

A √ļnica maneira de n√£o se perder a beleza

O seu rosto ainda conservava muita beleza do passado, al√©m de parecer muito mais jovem do que era na realidade, o que quase sempre acontece √†s mulheres que mant√™m at√© √† velhice a clareza de esp√≠rito, a frescura das sensa√ß√Ķes e um ardor puro e honesto do cora√ß√£o. Diremos entre par√™nteses que manter isso tudo √© a √ļnica maneira de n√£o se perder a beleza, mesmo na velhice.

Fiódor Dostoiévski-Crime e Castigo

07
Mar16

Quem erra chega à verdade!

Enganarmo-nos √© o √ļnico privil√©gio humano frente a todos os outros organismos! Quem erra chega √† verdade! Sou ser humano precisamente porque erro. Ainda ningu√©m chegou a uma verdade qualquer sem antes se ter enganado catorze vezes, ou talvez cento e catorze, e isso √© um m√©rito, neste sentido. Mas n√£o, nem sequer sabemos errar por nossa pr√≥pria cabe√ßa! Diz-me um disparate, mas √† tua maneira, a√≠ dou-te um beijo! Um disparate nosso, √† nossa maneira, √© quase melhor do que uma verdade alheia; no primeiro caso, somos seres humanos, no segundo somos p√°ssaros! N√£o √© a verdade que foge de n√≥s, mas √© muito mais f√°cil dar cabo daquilo que √© realmente vida: h√° exemplos disso. (...) Tom√°mos o gosto de nos satisfazermos com as ideias alheias, ganh√°mos esse h√°bito! N√£o √© verdade?

Fiódor Dostoiévski-Crime e Castigo

07
Mar16

Encontro marcado às 10 da manhã

Passo as minhas manhãs a ler. Todos os dias, às 10 da manhã tenho um encontro marcado com alguém do mundo da literatura.

Sentados a uma mesa acolhedora, com um café fumegante entre nós, conversamos silenciosamente.

E são estas conversas que me mantêm focada na vida, enquanto espero.

0.jpgImagem www.pinterest.com 

Quanto mais leio menos sei
Tudo o que escrevi para o Desafio de Escrita dos P√°ssaros est√° aqui!
Tudo o que escrevi para Os Desafios da Abelha est√° aqui!
Já começou a viagem pelo mundo da Gata Borralheira.
Cinema e literatura num só.
Venham também!
bookinices_spring.png
Notícias literárias ou assim-assim em Operação Bookini
Espreitem as bookinices
A autora deste blog n√£o adopta o novo Acordo Ortogr√°fico.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Estante

no fundo da estante