Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

Livrologia

30
Nov22

Ler os autores premiados por um Pulitzer

22237838_aC3Fh.jpeg

Ler os autores premiados por um Pulitzer foi algo que sempre quis fazer. 

Não conheço muito bem a literatura norte-americana e não há como negar a forte influência europeia, especialmente a inglesa, na sua formação. A partir do século XIX foi ganhando uma identidade própria, absorvendo influências de outras culturas, principalmente a africana.

Foi exactamente em 1917 que o Prémio Pulitzer foi criado para premiar obras literárias de autores americanos.

Joseph Pulitzer, que fez fortuna como editor de jornal, deixou em testamento um fundo monetário para ser atribuído em forma de prémios em várias categorias que são atribuídos anualmente no mês de Abril.

Neste momento estou a ler a primeira obra literária vencedora em 1918, His Family de Ernest Poole.

29
Nov22

And still he had been just making starts

At seventeen he had come to New York. There had followed hard struggles in lean years, but his rugged health had buoyed him up.

And there had been genial friendships and dreams and explorations, a search for romance, the strange glory of love, a few furtive ventures that left him dismayed.

But though love had seemed sordid at such times it had brought him crude exultations. And if his existence had grown more obscure, it had been somber only in patches, the main picture dazzling still. And still he had been just making starts.

in His Family de Ernest Poole

29
Nov22

The town he had known

He was thinking of the town he had known.

Not of old New York‚ÄĒhe had heard of that from old, old men when he himself had still been young and had smiled at their garrulity.

He was thinking of a young New York, the mighty throbbing city to which he had come long ago as a lad from the New Hampshire mountains.

in His Family de Ernest Poole

 

29
Nov22

Ciclo de Leitura | Pulitzer

livrologia.png

 

 

 

Tudo sobre: Prémio Pulitzer

 

Ler os autores premiados por um Pulitzer foi algo que sempre quis fazer. 

Não conheço muito bem a literatura norte-americana e não há como negar a forte influência europeia, especialmente a inglesa, na sua formação. A partir do século XIX foi ganhando uma identidade própria, absorvendo influências de outras culturas, principalmente a africana.

Foi exactamente em 1917 que o Prémio Pulitzer foi criado para premiar obras literárias de autores americanos. Joseph Pulitzer, que fez fortuna como editor de jornal, deixou em testamento um fundo monetário para ser atribuído em forma de prémios em várias categorias que são atribuídos anualmente no mês de Abril.

 

1918-His Family por Ernest Poole

1919-The Magnificent Ambersons por Booth Tarkington

1921-The Age of Innocence por Edith Wharton

28
Nov22

O Indesejado, um conjunto de tragédias sobrepostas

conversatorio3_1.png

Sena classifica O Indesejado como uma tragédia, mas vai mais além nesta classificação descrevendo-o como um conjunto de tragédias sobrepostas:

Gostaria de, a propósito, falar em tragédias sobrepostas. Porque assim é. Nunca as tragédias chegam sós; e, conforme o plano do conhecimento em que nos colocamos, assim nos surge uma, que é como que a particularização concreta de outra situação trágica mais vasta.

 

Aliás, na própria estrutura do livro verifica-se que ao virar da página, na leitura de um novo acto, uma nova tragédia se afigura, juntando-se à anterior, criando um clímax dramático inevitável.

27
Nov22

Eis a saudade

A saudade não é do que já foi,

nem é do como foi, porque a saudade

é do que nós, mais tarde, imaginamos

poder ter sido. √Č do n√£o feito. √Č do

inacabado em tudo. Eis a saudade.

in O Indesejado de Jorge de Sena

P√°g. 1/9

Quanto mais leio menos sei
O autor português de 2021/2022 é Jorge de Sena
Preparem-se para dar a volta ao vosso mundo
A autora portuguesa em destaque de 2019/2020 foi Sophia de Mello Breyner Andresen
Visitem o seu mundo encantado
Tudo o que escrevi para o Desafio de Escrita dos P√°ssaros est√° aqui!
Tudo o que escrevi para Os Desafios da Abelha est√° aqui!
Já começou a viagem pelo mundo da Gata Borralheira.
Cinema e literatura num só.
Venham também!
bookinices_spring.png
Notícias literárias ou assim-assim em Operação Bookini
Espreitem as bookinices
A autora deste blog n√£o adopta o novo Acordo Ortogr√°fico.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Estante

no fundo da estante