Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

by Miss X

Livrologia

by Miss X

08
Dez18

Maugham ainda não me conquistou

cafecomlivros.png

Maugham ainda não me conquistou e não sei se algum dos seus livros  conseguirá a minha completa rendição.

 

A sua escrita, sinto-a distante.

 

Não se entrega ao leitor, criando sempre uma abstracção qualquer que desvie a leitura para longe do seu âmago, sempre insistindo num desencontro entre o que verdadeiramente quer escrever e aquilo que, de facto, escreve. Talvez Servidão Humana, que comecei a ler, me dê o seu âmago como escritor.

 

Veremos.

06
Dez18

Sentindo já esta saudade faulkneriana

cafecomlivros.png

Sentindo já esta saudade, parti como Sir Galwyn, não em busca do inatingível, mas dos livros tangíveis que quero ler de Faulkner.

 

Nas intermitências das páginas que me faltam ainda ler de Maugham, acaricio capas e contracapas faulknerianas em busca dos livros que quero ler - Santuário, O Intruso, O Som e a Fúria - outros tantos, não sei ainda quais - confesso -, e este não saber é delicioso.

05
Dez18

Este pequeno grande livro de Faulkner

cafecomlivros.pngPrimeiro Dia de Maio tem sido a pausa perfeita por entre os livros de Maugham. 

 

Este pequeno grande livro de Faulkner, escrito pelo seu próprio punho, desenhado por si e criado a partir do seu coração para aquela que amava, é todo ele amor.

 

Sir Galwyn, na sua busca, não se deixa seduzir pelas três damas encantadoras que cruzam o seu caminho:

Conhecesteis a noiva de um rei antes que ele jamais a tivesse olhado, havesteis possuído nas pessoas das filha dos dois príncipes menores mais importantes da Cristandade, a estrela da manhã e a estrela da noite, e contudo nada ganhasteis excepto uma fome que não vos dá tréguas.

 

Nas páginas abertas perante mim, Sir Galwyn ainda se questiona:

Quem é esta donzela capaz de apagar toda a fome e recordação do meu rosto?

22
Nov18

Estou de olho em Faulkner

cafecomlivros.pngJá nas últimas páginas d' O Fio da Navalha e já a sentir aquele nervoso miudinho antes de um novo livro.

Estou de olho em Faulkner, mas ainda quero ler Ashenden e Servidão Humana de Maugham. Desde Agosto que já o leio e estou seriamente a considerar fazer uma pequena pausa e refugiar-me no Primeiro Dia de Maio, uma leitura mais leve, antes de me embrenhar na complexidade faulkneriana.

22
Nov18

Decidi experimentar outro tipo de leitura

cafecomlivros.pngCom Maugham decidi experimentar outro tipo de leitura: ler os livros que o escritor escreveu em simultâneo com a sua biografia.

 

The Secret Lives of Somerset Maugham de Selina Hastings - que não encontrei traduzido para português - tem-me acompanhado para todo o lado, apesar da sua aparente invisibilidade aqui no blogue. 

 

Ler a sua biografia em simultâneo com os livros que escreveu tem-me ajudado a compreender o seu percurso literário. Além disso, tem um certo travo telenovelesco, com revelações escandalosas e segredos deliciosos.