Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

by Miss X

Livrologia

by Miss X

17
Abr19

#MedStoryPrize e o Retorno às Raízes

Rooted-Everyday-Mark-_Strapline_Corporate.png

 

A Rita pediu-me para partilhar o #MedStoryPrize, um Concurso Literário Internacional de cariz ambiental que visa  ajudar a divulgar a Campanha "Rooted Everyday".

 

Participem!

Comecem j√° a escrever!

 

A nova campanha ambiental ‚ÄúRooted Everyday ‚Äď Retorno √†s Ra√≠zes‚ÄĚ une os projetos locais de biodiversidade de diferentes organiza√ß√Ķes conservacionistas que partilham os mesmos problemas, entre as quais a ANP|WWF, a Global Diversity Foundation, a MedINA, a DiversEarth e a Society for the Protection of Nature, no L√≠bano.¬†A campanha visa consciencializar e celebrar a heran√ßa portuguesa e mediterr√Ęnea e os seus recursos naturais, destacando a amea√ßa de extin√ß√£o da natureza e da cultura tradicional destas regi√Ķes.

 

Surge assim o #MedStoryPrize,¬†a¬†primeira competi√ß√£o internacional de contos ambientais¬†para incentivar a consci√™ncia, a compreens√£o e a prote√ß√£o da cultura e da biodiversidade Portuguesa e do Mediterr√Ęneo.¬†O concurso de contos tem submiss√£o gratuita e √© destinada a crian√ßas e adultos residentes ou provenientes de Portugal, Espanha, Marrocos, Gr√©cia ou L√≠bano.¬†

 

#MedStoryPrize

Esta competi√ß√£o celebra a flora e fauna ricas encontradas na regi√£o mediterr√Ęnica e pretende contar as hist√≥rias de pessoas cuja subsist√™ncia depende das tradi√ß√Ķes sustent√°veis, como a agricultura e o artesanato, ou do pr√≥prio montado e da biodiversidade que o comp√Ķe (sobreiros, lince, √°gua imperial, entre outros).

 

As est√≥rias inscritas devem ser originais e in√©ditas. Os escritores v√£o reter os direitos de autor do seu trabalho, mas ter√£o de aceitar que os mesmos sejam usados como parte da Campanha ‚ÄúRootedEveryday ‚Äď Retorno √†s Ra√≠zes‚ÄĚ.

 

O que os juízes vão procurar:

 

Est√≥rias que tratam de quest√Ķes de conserva√ß√£o destacadas dentro do Rooted Everyday ‚Äď Retorno √†s Raizes

Est√≥rias¬†extra√≠das da tradi√ß√£o oral de transmitir contos nas regi√Ķes em destaque na campanha

Estórias  que unem as lutas do povo, riqueza da terra e urgência em preservá-la em cenas bem trabalhadas que surpreendem e inspiram

Est√≥rias¬†de descoberta e viagem dentro de Portugal ou outros pa√≠ses do mediterr√Ęneo que exploram a natureza

Estórias que revelam as maneiras pelas quais o retorno às raízes pode levar a mudanças nas pessoas e no planeta

 

O concurso destina-se a adultos e crianças (em duas categorias, dos 7 aos 13 e dos 14 aos 18).

 

Competição Adultos:

Para saber os termos e condi√ß√Ķes, para submeter o seu trabalho ou saber o prazo de submiss√£o, por favor veja aqui:¬†https://www.rootedeveryday.org/enter-pt/#s_0¬†¬†¬†

Conhe√ßa o j√ļri aqui¬†https://www.rootedeveryday.org/medstoryprize/judges-pt/

Descubra o prémio aqui https://www.rootedeveryday.org/medstoryprize/prize-pt/

 

Competição Crianças:

Internacionalmente o concurso está a ser feito em parceria com escolas, razão pela qual não existe informação disponível no site sobre esta competição. 
Em Portugal, por raz√Ķes diversas, opt√°mos por enviar a informa√ß√£o √†s escolas mas tamb√©m abrir a competi√ß√£o a entradas individuais, que podem ser submetidas at√© 30 de abril diretamente para o meu endere√ßo de e-mail (rrodrigues@natureza-portugal.org).
08
Mar19

Sophia de Mello Breyner Andresen | Dia 10 de Março | Leitura de Cartas e Poemas

Resultado de imagem para cabine de leitura praça de londresCabine de Leitura - Praça de Londres, Lisboa

@ balcaodebiblioteca.blogspot.com

 

Na Cabine de Leitura -  a microbiblioteca surgida em maio de 2014, na Praça de Londres, em Lisboa - domingo dia 10, às 12 horas, assiste-se à leitura de cartas e poemas de Sophia de Mello Breyner Andresen e Jorge de Sena pela voz de Elizabete Caramelo e de Pedro Freitas. 

 

in Vis√£o

 

Consultar o restante programa do ABECED√ĀRIO Festival da Palavra

ABECED√ĀRIO Festival da Palavra¬†> v√°rios locais de Lisboa > 8-11 Mar√ßo, s√°b-seg > gr√°tis

08
Mar19

Snu, a fundadora da editora Dom Quixote

Snu Abecassis@ www.pinterest.pt

 

Num País no qual a mulher não tem voz, Snu fala mais alto ao abrir uma editora pensada para abrir os olhos da sociedade portuguesa.

 

Na Dom Quixote ‚Äúpublicava obras que eram interditas e quando a PIDE ia √†s instala√ß√Ķes da editora, ela trazia os livros para casa, na mala do carro, e escondia-os debaixo da escada, para ningu√©m os encontrar‚ÄĚ.

 

Artigo integral in magg.pt