Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

by Miss X

Livrologia

by Miss X

01
Nov16

Serguéi Iessénine| Klyuev, o amigo íntimo

Klyuev e Iessénine mantinham uma proximidade tão forte e tão íntima, que se especulava que mantinham um relacionamento. Viveram durante dois anos juntos .

Juntamente com os manuscritos de Iessénine, foram encontradas três cartas de amor para Klyuev, mas sem qualquer indicação para quem foram, de facto, escritas.

2.jpg

Iessénine e Klyuev

Imagem ginsbergblog.blogspot.com

01
Nov16

Serguéi Iessénine| Isadora Duncan

Isadora Duncan era 18 anos mais velha que Iessénine quando se apaixonaram, no Outono de 1921, durante uma visita ao estúdio do pintor Alexei Yakovlev.

Duncan apenas sabia algumas palavras de russo e Iessénine não falava, em absoluto, nenhuma língua estrangeira.

Casaram dia 2 de Maio de 1922.

Entre 1922 e 1923 o poeta acompanhou Isadora na sua tournée pela Europa e América, onde ia participando em eventos literários.

Duncan, como muitos dos artistas ocidentais desse período, estava fascinada pelas novas e prometedoras ideias soviéticas pós-revolução, no entanto Iessénine testemunhou o efeito devastador dessas mesmas ideias e não partilhava do entusiasmo da mulher, surgindo assim as primeiras tensões no casamento.

As tensões que foram surgindo entre eles não foram apenas de carácter político. 

Aliás, a viagem pela Europa e América tornou-se desastrosa para Iessénine.  

Alcoólico inveterado, tornou-se violento e descontrolado. Destruiu quartos de hotel, causou distúrbios em restaurantes e o seus acessos de raiva foram bastante noticiados na imprensa mundial.

Diz-se que ele detestava Nova Iorque, que considerava uma cidade tão abominável que convidava ao suicídio. Enquanto lá viveu temeu perder o sentido espiritual da arte.

A sua saúde física e mental deteriorou-se e decidiram regressar a Paris.

O alcoolismo acentuou-se e, uma noite, partiu todos os espelhos e madeiras do quarto de hotel onde se encontrava alojado, no hotel Crillon. Amigos influentes ajudaram-no a libertar-se da polícia e Isadora Duncan decidiu interná-lo num hospital psiquiátrico.

Em Agosto de 1923 regressaram a Moscovo, desolados pela viagem e com Iessénine a sofrer de depressão e alucinações.

Segundo um amigo do poeta, Iessénine ficou obcecado pelo suicídio: atirou-se para a frente de um comboio, tentou saltar de uma janela de um edifício de cinco andares e até se tentou matar com uma faca da cozinha.

Iessénine tornara-se prioritariamente marido de Isadora e abandonou o grande poeta que era, e esta mutilação do seu ser transformou-o.

Para além de alcoólico, violento e infiel, vivia uma duplicidade de emoções que, em simultâneo, o tornava num ser violento para com a mulher e o homem mais apaixonado e amoroso que ela alguma vez poderia desejar.

Os amigos de Isadora declararam estar horrrorizados pela vida familiar que ela levava. Não percebiam como é que ela permitia ser tratada assim. Isadora desculpava-o, dizendo que ele estava doente e que não o poderia abandonar.

Depois do fim do casamento com Isadora Duncan, Iessénine envolveu-se com a actriz Augusta Miklashevskaya e, mais tarde, com Galina Benislavskaya, que cometeu suicídio um ano após a sua morte.

sergeiwww.ledha.com.br.jpgImagem klimbim2014.wordpress.com 

22
Out16

A Era de Prata

O início do século XX entrou para a história da cultura russa sob o belo nome de «Era de Prata».

Este período foi marcado pelo surgimento de novas correntes e opiniões sobre arquitectura, música, pintura, teatro e literatura.

A poesia da «Era de Prata» enriqueceu a literatura russa com novos poetas e novas formas de fazer versos e está ligada ao aparecimento de notáveis mestres tais como Valeri Briussov, Innokenti Annenski, Konstantin Balmont, Anna Akhmatova, Andrei Belyi, Ivan Bunin, Maksimilian Volochin, Nikolai Gumilev, Ossip Mandelstam, Vladimir Maiakovski, Boris Pasternak, Igor Severianin, Velimir Khlebnikov, Marina Tsvetaeva, Kornei Tchukovski, Serguei Iessiénin e muitos outros.

A obra poética de Serguei Iessiénin tornou-se parte da cultura mundial e foi traduzida para as principais línguas mundiais – do ocidente ao oriente. Para muitos povos ele é o mais importante poeta russo.

Iessiénin é um dos mais conhecidos e amados poetas da "Era de Prata". O que se pode dizer de mais importante acerca dos seus versos é que são russos pelo seu espírito. A aceitação geral da sua obra reflecte-se no facto de muitos dos seus versos terem sido memorizados e cantados pelo povo. A poesia do poeta continua a ser actual e, ainda hoje, muitos cantores e grupos de rock contemporâneos russos compõem música com base nos poemas de Iessiénin.

Excerto de www.uc.pt

petersburgo.jpgThe Bronze Horseman and St Isaac's Cathedral in St. Petersburg, Russia

Imagem Saint-Petersburg.com

11
Set16

Serguéi Iessénine| Zinaida Reich

Pouco tempo depois de ter abandonado Anna Izryadnova, em 1917, conhece Zinaida Reich no jornal Delo Naroda, onde ela trabalhava como secretária-datilógrafa.

Rapidamente Zinaida torna-se na musa do poeta, começando assim uma história de amor intensa e agitada.

Em Agosto desse mesmo ano viajam para o norte, para o Mar Branco, e casam-se na igreja Kiriko-Ulitovskaya, perto de Vólogda.

Vologda.jpgMuseu Kirillo-Belozersky, Vologda, Rússia

Imagem www.absolutrusia.com 

 

A primeira noite da lua-de-mel foi um grande desapontamento para Iessénine. Zinaida tinha-lhe dito que ele seria o primeiro homem e mentiu.

Iessénine nunca a perdoou. 

Viveriam uma história de amor intermitente, com separações constantes.

Em 1918, Iessénine parte para São Petersburgo e, nesse mesmo ano, Zinaida grávida, parte para casa dos seus pais em Orel. Dá à luz Tatiana e, mais tarde, com a sua filha nos braços, junta-se a Iessénine em Moscovo. Não tardou para que o casal se separasse novamente.

Em 1920, Zinaida dá à luz o seu segundo filho, Konstantin. Nesta altura, o casal vivia separado. Zinaida vivia num albergue para mães solteiras.

Memórias do romancista Anatoly Marienhof, amigo íntimo de  Iessénine, descrevem sem pudores Zinaida, revelando dúvidas sobre a verdadeira paternidade do filho Konstantin, que era moreno, quando todos os descendentes de Iessénine eram loiros.

Em 1921 o casamento acaba em divórcio.

Zinaida tornar-se-ia, mais tarde, numa das mais famosas actrizes de Moscovo.

zinaida.jpgZinaida Reich

Imagem www.famousfix.com

10
Set16

Serguéi Iessénine| Anna Izryadnova

Iessénine conheceu Anna Izryadnova na editora onde ambos trabalhavam.

Casaram em 1914 e em Janeiro de 1915 nascia Yuri.

Anna descreveu Iessénine como arrogante, orgulhoso, ambicioso e possessivo.

Cedo, o poeta abandona a sua família e parte para São Petersburgo, em busca da verdadeira capital literária.

Raramente visitou o filho Yuri.

Yuri Yesenin foi preso durante a Grande Purga estalinista, vindo a falecer num campo de trabalhos forçados (Gulag) em 1937.

5.jpgImagem esenin.velchel.ru