Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Livrologia

Livrologia

06
Mai22

A vida é o que ela quer ser

22237838_aC3Fh.jpeg

Acabei de ler  Antigas e Novas Andanças do Demónio o primeiro livro de prosa do meu ciclo de leitura de Jorge de Sena. Apesar de já ter lido muita da sua poesia, o meu ciclo de leitura está a ficar mais demorado do que previra.

A vida não se compadece com planos, pelo contrário, atira-nos inesperados que nos roubam a calma necessária para nos deliciarmos com um bom livro. 

Tem sido muito difícil resgatar o tempo, a tranquilidade, o silêncio ao caos que me rodeia. Anseio profundamente por aqueles dias de leitura ao ar livre ou do lado de dentro da minha janela.

A vida é o que ela quer ser, é mais forte do que nós.

23
Abr22

Carta de amor ao livro

imageedit_9_2948793464.png

Querido livro,

Desde o primeiro momento que te vi foi amor à primeira vista. Soube nesse momento que seria um daqueles amores intemporais e inesquecíveis.

Mal eu sabia que não só irias mudar a minha vida, mas também salvá-la. Sou uma pessoa melhor contigo.

Compreendes-me melhor que ninguém e é contigo que tenho as melhores conversas.

Contigo a existência tem tido outro encanto e desespero quando estás ausente. 

Sei que tu e eu vivemos num paradoxo - quanto mais te leio, menos te conheço -, mas para mim é o melhor dos paradoxos existenciais.

Tornaste-te na minha missão e desde que aprendi a ler que liberto livros encarcerados nas estantes.

Amar-te tem sido uma experiência humana incalculável.

Para sempre tua,

Miss X

13
Abr22

Se ainda n√£o conhecem o Projecto Adamastor n√£o sabem o que est√£o a perder

adamastor.JPG

Se ainda n√£o conhecem o projecto do Ricardo Louren√ßo, convido-vos a visit√°-lo:¬†Projecto Adamastor.¬†L√° poder√£o encontrar obras liter√°rias que se encontram em dom√≠nio p√ļblico, completamente gr√°tis e sem qualquer restri√ß√£o.

Um projecto excepcional e meritório com o qual também podem colaborar em regime de voluntariado.

Recentemente foi disponibilizada uma antologia de contos e novelas de escritoras do séc. XIX e início do séc. XX, intitulada Vozes Femininas que poderão ler aqui.

O efeito da discrimina√ß√£o sofrida por estas mulheres reflecte-se ainda hoje na forma como a sua escrita √© encarada (ou talvez ignorada seja o termo mais apropriado). Apesar de este cen√°rio ter vindo a melhorar nas √ļltimas d√©cadas, em muitos casos, descobrir e aceder a obras destas escritoras continua a exigir um aut√™ntico trabalho de arqueologia liter√°ria. Nesse sentido,¬†Vozes Femininas¬†trata-se de uma modesta tentativa de resgatar textos de qualidade que, de outra forma, dificilmente chegariam at√© ao leitor contempor√Ęneo.

Ricardo Lourenço @ Projecto Adamastor

13
Abr22

Como crio um ciclo de leitura de um autor

frame cadre rahmen tube circle kreis round spring colorful, frame , cadre ,  rahmen , tube , circle , kreis , round , spring , colorful - PicMix

Criar um ciclo de leitura de um autor não é difícil:

# basta escolher o autor que queremos ler;

# verificar a sua bibliografia completa;

# da sua bibliografia, verificar a disponibilidade dos seus livros em livrarias, bibliotecas, vendas particulares de livros usados, alfarrabistas ou online;

# decidir que livros queremos ou conseguimos ler: todos, os mais conhecidos ou not√°veis do autor, ou apenas aqueles que conseguirmos encontrar, no caso de autores em que os livros publicados rareiam;

# definir um prazo;

# requisitar e/ou comprar os livros que queremos ler;

# ler os livros aleatoriamente ou por ordem cronológica se queremos acompanhar a evolução do autor;

# n√£o desistir, porque vai valer a pena.

08
Abr22

Por entre as intermitências da prosa e da poesia

22237838_aC3Fh.jpeg

Estou a gostar muito de ler assim, por entre as intermitências da prosa e da poesia. Tem sido a leitura perfeita, correr por entre parágrafos, atravessando versos.

Estou quase, quase a acabar Antigas e Novas Andanças do Demónio e estou quase a meio de 40 Anos de Servidão.

Para quem observa de fora, pode parecer muito intensa esta minha leitura de Sena, mas para mim est√° a ser de uma leveza maravilhosa.

02
Abr22

Simplesmente, porque a poesia torna os meus dias mais bonitos

22237838_aC3Fh.jpeg

Confesso que nunca fui uma grande leitora de poesia.

Quando escolhia livros para ler, o meu olhar raramente recaía em poesia, sempre em prosa. 

Tudo mudou quando comecei a ler alguns autores que eram mais poetas do que escritores e ler poesia tornou-se inevit√°vel.

Foi ao reler Sophia que fui definitivamente reconquistada pela poesia. Foi t√£o subtil a conquista que nem me apercebi que estava j√° enredada nos encantos da escrita em verso.

Percebi-o agora com Jorge de Sena. Li a sua poesia sem parar até que um dia decidi ler os seus contos. Por entre longos parágrafos a saudade dos versos cutucava-me. Tentava esquecê-la, mas sempre voltava. Só se apaziguou quando voltei a ler poemas.

Os livros mudam-nos, de facto, e j√° n√£o sou a mesma leitora.

Agora anseio por poesia a todas as horas do dia e salpico poemas aqui e ali pelas intermitências da prosa que ando a ler. 

Simplesmente, porque a poesia torna os meus dias mais bonitos.

18
Mar22

Ler Jorge de Sena por inteiro

IMG_20220314_172457.jpg

E finalmente aqui estão os tesouros encontrados após a minha demanda pelas bibliotecas: três dos livros que me faltavam no meu ciclo de leitura de Jorge de Sena.

A pouco e pouco vou conseguindo encontrar a maior parte dos livros que escreveu, sejam eles de poesia, prosa, ou teatro.

Tem sido um desafio e tanto, e também o apaziguar de um desejo que acalentava desde os meus anos académicos, o de ler Jorge de Sena por inteiro.

16
Mar22

Bibliotecas, no plural, porque uma n√£o chega

22237838_aC3Fh.jpeg

A minha demanda pelas estantes das bibliotecas j√° est√° a dar frutos. Bibliotecas, no plural, porque uma n√£o chega.

Peguei num mapa, abri-o em cima da mesa - ficcionalmente falando, obviamente, que agora é tudo digital - e localizei as vilas e cidades das redondezas que tivessem biblioteca. Pesquisei online o catálogo de cada uma delas e tento encontrar o livro que procuro. Requer tempo e organização, mas é exequível. 

Para j√° estou inscrita em duas e, por enquanto, tenho conseguido encontrar muitos dos livros que quero ler.

Tenho-me sentido uma verdadeira aventureira!

Quanto mais leio, menos sei

O autor português de 2021/2022 é Jorge de Sena
Preparem-se para dar a volta ao vosso mundo
A autora portuguesa em destaque de 2019/2020 foi Sophia de Mello Breyner Andresen
Visitem o seu mundo encantado
Tudo o que escrevi para o Desafio de Escrita dos P√°ssaros est√° aqui!
Tudo o que escrevi para Os Desafios da Abelha est√° aqui!
Já começou a viagem pelo mundo da Gata Borralheira.
Cinema e literatura num só.
Venham também!
bookinices_spring.png
A imprensa comentada no final de cada mês na Operação Bookini
Espreitem as bookinices
A autora deste blog n√£o adopta o novo Acordo Ortogr√°fico.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O que leio, capa a capa

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Estante

no fundo da estante