Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Livrologia

by Miss X

Livrologia

by Miss X

25
Ago18

William Somerset Maugham| A medicina como observatório literário

Imagem relacionada@ englishbookgeorgia.com

 

Muitos dos seus leitores e alguns críticos consideraram os seus anos como estudante de medicina como um hiato na sua vertente criativa, no entanto, Maugham confirmou o contrário.

Viver em plena agitação da cidade de Londres, conhecer pessoas das mais variadas classes sociais, pessoas que nunca teria conhecido se exercesse uma profissão diferente, observá-las nas situações mais extremas, de profunda ansiedade, em busca de significados que justificassem as suas existências.

Maugham declarou que tudo o que viu e sentiu como estudante de medicina ganhou valor literário.

Vi homens morrerem. Vi-os sofrer com a dor. Aprendi o que era a esperança, o medo e a ajuda.

 

Nessa época, muitos escritores escreviam sobre o valor moral de uma vida de sofrimento, mas Maugham, pelo contrário, assistiu à cruel realidade de como é corrosivo o sofrimento para a humanidade do ser, de como a doença se enredava de forma hostil em torno da alma, como um sacrifício expiatório que poderia conduzir à morte.

O escritor ficou marcado por todas as emoções humanas subjacentes à crueldade da vida e da morte, ambas no mesmo espectro da sua escrita.